MATÉRIA: Diario de Pernambuco – 19/04/2013

Diario_Queops_n

Refilmagem de Evil dead estreia nesta sexta no Recife
Filme carrega nos detalhes nojentos para chocar o telespectador
Júlio Cavani – Diario de Pernambuco

“Tudo vai ficar bem”, diz um garoto após ver a irmã jogar água fervente no próprio rosto e sofrer queimaduras de terceiro grau. “Tudo vai ficar bem? Não sei se vocês notaram, mas tudo está ficando pior a cada segundo”, responde seu amigo. Em filmes como A morte do demônio, o público sabe que praticamente todos os personagens vão morrer e não importa se isso é previsível, pois a graça é acompanhar como tudo acontecerá.

A morte do demônio é a refilmagem de um clássico recente do cinema de terror, lançado em 1981 e dirigido por Sam Raimi. O original foi filmado com US$ 500 mil. A nova produção, com direção de Fede Alvarez, custou US$ 14 milhões, mas, mesmo assim, tenta recriar o estilo da primeira. A essência da história é a mesma, mas a embalagem de luxo inevitavelmente tira parte do clima de medo e torna tudo mais artificial.

Apesar da superprodução, houve uma preocupação em valorizar maquiagens e efeitos especiais artesanais e físicos, sem computação gráfica. Movimentos de câmera e luz (cheios de referências à obra original) também seguem princípios cinematográficos elementares, sem exageros digitais. Isso deixa o filme mais interessante do que a maioria das produções atuais do gênero. O resultado é nojento e suculento (entrar o cinema com comidas e bebidas pode ser uma experiência indigesta). Os sons também reaproveitam ideias desenvolvidas em 1981.

Ambos o filmes mostram um livro escondido em uma casa no meio de uma floresta. Quem o encontrar é castigado por uma maldição que despertará demônios e ninguém sairá vivo. Na nova versão, as páginas parecem ter sido calculadamente desenhadas por um designer gráfico modernoso, enquanto no antigo o visual era bem mais precário, macabro, autêntico e verossímil. Esse detalhe simboliza a diferença geral entre os dois projetos.

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.