RESENHA: Penny Dreadful (1ª Temporada)

penny-dreadful-eva-green-poster

Por Geraldo de Fraga

Penny Dreadful, a série do canal Showtime (exibida no Brasil pela HBO), criada por John Logan e produzido por Sam Mendes, já teve sua segunda temporada confirmada para 2015. Sendo assim, podemos presumir que a atração já agradou o público americano.

Com seu núcleo principal formado por atores bem conhecidos (Timothy Dalton, Eva Green e Josh Hartnett), a série junta vários personagens conhecidos dos livros, que posteriormente também fizeram sucessos nas telas do cinema e na televisão.

Apesar de se chamar Penny Dreadful, nomenclatura usada para literatura “barata” do tipo folhetim, acompanhamos uma história com nomes da ficção universal como Victor Frankenstein e seu monstro, Dorian Gray, Mina Harker e Van Helsing.

Penny-Dreadful-Showtime

A série começa com o pistoleiro americano Ethan Chandler (Josh Hartnett) sendo contratado por Sir Malcolm Murray (Timothy Dalton) e sua assistente Vanessa Ives (Eva Green) para usar suas habilidades com o revólver em uma embosca. Nessa primeira cena de ação nos deparamos com os três personagens enfrentando vampiros em um porão de um casarão de Londres.

Depois disso, ficamos sabendo que a filha de Murray foi sequestrada por uma dessas criaturas e que ele está montando uma equipe de investigadores para ajudar a encontrá-la. É aí que Victor Frankenstein (Harry Treadaway) é escalado por suas habilidades médicas para realizar a autópsia de um dos corpos confiscados, além de ajudar nas investigações.

A ideia de juntar personagens consagrados não é nova. Alan Moore fez isso muito bem em sua HQ A Liga Extraordinária, que posteriormente virou um filme horrível com Sean Connery. Mas ao contrário de Moore, John Logan apenas manteve os nomes dos personagens, porém sem a essência que os transformaram em grandes ícones da literatura.

Episode 101

Ao invés de se manter nas histórias originais, Penny Dreadful reinventa essas obras, mas de uma maneira menos interessante. Se é para contar uma história com esses personagens, por que não se ater à sua mitologia? Fica a impressão que se valeram apenas dos nomes consagrados em busca de uma audiência fácil. Os personagens relacionados à Drácula são os mais desprestigiados, inclusive.

A trama também não empolga. Tirando a missão de Sir Malcolm Murray, empenhado em salvar a filha, as motivações dos outros não se sustentam. Além disso, há uma série de mistérios que não se explicam bem. Mas isso já é recorrente em série de TV do gênero terror.

Penny-Dread0vanessa-ives (1)

A carga sexual, que não poderia faltar, fica por conta do promíscuo Dorian Gray e da esquisita Vanessa Ives, personagem mais confusa e mais mal resolvida da série. O clima de romance, outro elemento que não poderia ficar de fora, fica a cargo de Ethan Chandler, que se apaixona perdidamente por uma prostituta com tuberculose.

Tecnicamente, Penny Dreadful é impecável. Os efeitos são muito bons, e a Inglaterra Vitoriana é retratada com um gama de cenários e figurinos perfeitos. Mas o roteiro só deixa aquela impressão que a capa do livro é linda, mas o conteúdo nem tanto.

A série está no sexto episódio, mas no Brasil estreou há pouco tempo, no dia 13 junho. Ainda dá tempo de começar a acompanhar, mas não crie muitas expectativas.

Nota: 5,0

12 comentários sobre “RESENHA: Penny Dreadful (1ª Temporada)

  1. Eu daria nota 7,5. Podendo chegar a 8,5 dependendo do desenvolvimento das proximas temporadas. Acho bem feito e a trama prende. Os ultimos dois capitulos foram bem elicidativos, realmente ate eles os personagens estavam bem soltos. Continuarei assistindo pra ver no que vai dar.

    Curtir

  2. Eu tava pensando em parar depois de ter assistido ao segundo ep, mas me disseram pra continuar assistindo que melhorava. Bom, melhorou, mas não muito, então vou continuar acompanhando pra ver se ela fica boa mesmo. 🙂

    Curtir

  3. Te segui desde o Scary Torrent até aqui (: Adorei de verdade seu site. Mas a nota pra Penny Dreadful podia ser melhor, haha

    Curtir

  4. Pingback: BUSCAS: Quem procura, acha | Toca o Terror

  5. Certamente Penny Dreadful é uma série de terror que tem vindo a conquistar jovens e velhos. Isso faz parte da programacion você pode desfrutar de Penny Dreadful em HBO , o canal para o público sempre incrível, nova, original e com uma excelente série elenco. Não perca a segunda temporada porque começou.

    Curtir

  6. Achei falta de bom senso fazer um resenha que promete ser da primeira temporada de uma série sem esta primeira temporada ter terminado. A série e as histórias de seus personagens foram explicadas nos últimos episódios da temporada. Se vai fazer uma resenha que diz ser de uma temporada, no mínimo tem que ser da temporada inteira. Se vai fazer da segunda temporada, faça o favor de esperar a temporada terminar, senão o site vai perder a credibilidade. Chega a ser absurdo isso que foi feito.

    Curtir

    • Concordo plenamente. Terminei a segunda temporada da série, que é incrível, aliás, e vim atrás de resenhas. E sinceramente, mesmo concordando com o livre arbítrio e o gosto de cada um, essa resenha foi feita para expulsar os telespectadores. E convenhamos com o comentário do amigo: “Achei falta de bom senso fazer um resenha que promete ser da primeira temporada de uma série sem esta primeira temporada ter terminado. Chega a ser absurdo isso que foi feito.”

      Curtir

  7. Não tenho muito a falar sobre a série e seria leviano se o fizesse posto que só vi alguns capítulos. Mas sobre a resenha…que luxo. Texto espetacularmente escrito.

    Curtir

  8. A Resenha até que é bem escrita, mas não faz jus a série, e quem não assistiu, certamente vai deixar de assistir se ler isso. A série é massa, assisti sem pretensão e me surpreendi. Recomendadíssima!

    Curtir

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s