DICA DA SEMANA: Doghouse (2009)


[Por Felipe Macêdo]

Minha dica para esse feriadão é DOGHOUSE, filme de horror e comédia britânico lançado em 2009.

A história segue um grupo de amigos que decide passar o fim de semana fora de Londres indo para um vilarejo no meio do nada. O motivo da viagem é o divórcio de um deles mas logo se percebe que cada um dos amigos tem um problema em particular com relações afetivas. Eles queriam folga, farra, bebidas e pegação e terminam encontrando algo além do que poderiam imaginar. Todas as mulheres do vilarejo são infectadas por um misterioso e violento vírus que as transformam em monstros canibais as tornando em, literalmente , devoradoras de homens. Os caras então precisam se unir caso desejem voltar vivos e inteiros para casa.

O humor da produção é muito ácido e bastante incorreto com momentos realmente engraçados e o gore se faz presente de forma bem satisfatória. Também se deve elogiar a excelente maquiagem das infectadas e as demais mutações vistas no decorrer do longa.


Outro mérito do filme é debater de forma divertida e descompromissada a questão da igualdade de gênero e o machismo, porém o tom de algumas piadas e situações pode ofender algumas pessoas. Tenho que destacar também a estética meio HQ que – além de dar um clima cool para o longa – serve para homenagear os quadrinhos de horror antigos. Falando nisso, não faltam homenagem a diversos filmes clássicos.

DOGHOUSE se encontra disponível na Netflix e embora a sua cotação por lá seja baixa, não se deixe enganar. Esse filme é muito divertido.

Direção: Jake West
Roteiro: Dan Schaffer
Elenco: Danny Dyer, Noel Clarke, Emil Marwa
Origem: Reino Unido

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s