DICA DA SEMANA: The Last Heist (2016)

[Por Osvaldo Neto]

Se tem um diretor norte-americano que merecia ser mais conhecido do público que adora um filme de terror, esse sujeito é o Mike Mendez. Ele tem entregue produções genuinamente divertidas e interessantes do gênero. Outros realizadores poderiam se mostrar chateados por apenas serem conhecidos como ‘um diretor de terror’ mas não foi o caso de Mendez, que realizou longas como “The Convent” (2000, inédito no Brasil), “Carta para a Morte” (The Gravedancers, 2006) e “Maldita Aranha Gigante” (Big Ass Spider, 2013).

Todos os filmes de Mike Mendez costumam ter uma forte carga de humor e o talento do diretor faz com que isso seja parte integral da experiência de se assistir a um de seus filmes. Não se levar tão a sério ou chutar o pau da barraca valendo em algumas cenas é um risco que muitos não se atrevem a correr pois, independente da proposta, humor deslocado é algo que pode colocar um filme inteiro a perder.

Soube que Mendez teve problemas criativos durante a produção de “The Last Heist“, filme que recomendo hoje e que pode ser assistido agora mesmo através da Netflix Brasil. Cogitou-se, inclusive, que esse longa nem mesmo teria a assinatura de seu nome como diretor. Mas por incrível que possa parecer, nada disso atrapalha a grande curtição que é assistir a esse curioso híbrido de gêneros.

A produção tem o seu foco em um grupo de bandidos que estão assaltando a um pequeno banco no seu último dia de atividade. Eles só não contavam que um dos civis presentes no local é um assassino em série (Henry Rollins, se divertindo horrores no papel) que arranca os olhos de todas as suas vítimas para guardá-los em potes de conserva.

“The Last Heist” é mais outra prova de que não tem muito o que dar errado quando temos um diretor, elenco e equipe afiados com o material que eles têm em mãos. Trata-se de um filminho bem dodói e malvado de apenas 84 minutos que não tem o menor receio de encher a tela de sangue e menos ainda de mandar um personagem que ganhou a simpatia do espectador para o IML.

O último longa dirigido por Mike Mendez até então é o divertidíssimo “Don’t Kill It” onde temos um impagável Dolph Lundgren na pele de um caçador de demônios badass. Desde já, um dos filmes mais legais lançados neste ano de 2017. E se você quiser assistir a um outro filme do Mendez na Netflix fora o “The Last Heist“, fica aqui o aviso de que “Maldita Aranha Gigante” ainda está disponível no catálogo do serviço de streaming. Boa diversão!

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s