DICA DA SEMANA: The Nightmare (2015)

[Por Felipe Macedo]

Imaginou estar deitado em sua cama e não conseguir se mover ou falar? A situação por si já é assustadora e traumática, agora adicione uma ameaça sobrenatural que te ataca nessa situação? “The Nightmare” apresenta vários relatos de pessoas comuns que passaram por momentos de desespero durante o sono. E é justamente nisso que o longa de Siegfried Peters que está no catálogo da Netflix se foca.

Quando eu tinha por volta de sete anos passei por uma situação que considerei como um terrível pesadelo. Mesmo depois de tantos anos nunca esqueci esse momento que me marcou. E após ver este filme, percebi que recebi a visita da entidade que o documentário retrata como sendo a figura que amedronta o imaginário de muita gente.

Imaginem o cagaço que passei. Numa noite comum, dormindo no mesmo quarto com minha mãe e irmãos, vi projetado na parede essa entidade que me encarava e chicoteava o vento. O som era cada vez mais forte e por mais que tentasse gritar e me mexer eu não conseguia, paralisado de medo… Até que depois dormi do nada.

Após este breve flashback, vamos ao filme… O longa segue a regra de vários documentários que mostram os relatos das vítimas, seguidas de reconstituições. É aí que entra o horror. As cenas são bem produzidas e conseguem representar bem os momentos de medo de forma bastante efetiva. Nesse sentido, “The Nightmare” consegue ser superior a vários filmes que são vendidos como terror.

O maior defeito do longa é não ter embasamento cientifico ou de qualquer outro meio, dando aquela impressão de um sensacionalismo forçado… No entanto, se eu não tivesse passado por uma situação semelhante não teria comprado a ideia. Pra quem procura algo diferente e curte o formato de documentário, precisa conhecer essa obra. Mesmo que você não acredite no que está sendo passado, com certeza, um arrepio na espinha você vai sentir com a possibilidade disso ser real.

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s