RESENHA: Queen Of Spades: The Dark Rite (2016)

[Por Felipe Macedo]

Quando crianças, geralmente gostávamos de assustar uns aos outros e principalmente os coleguinhas menos corajosos. Muito de vocês já brincaram de “céu e inferno”, “brincadeira do copo”, invocar espíritos ou contar histórias assustadoras sobre a Comadre Florzinha e a Loira do Banheiro. Sendo que no fim, tudo se tratava de uma assombrosa brincadeira. Infelizmente para quatro amigos adolescentes, a lenda da Rainha de Copas se torna mortalmente real.


Esta é a premissa do terror russo “Queen of Spades: The Dark Rite” (Pikovaya dama. Chyornyy obryad). A invocação do espirito maligno me lembrou a da nossa loira do banheiro. Envolve um espelho e o chamado pelo nome do ser vil. No filme, a ideia das crianças era assustar a mais nova do grupo. Só que eles não imaginariam estar lutando por suas vidas quando a vilã da vez viria por suas almas. Após a morte de um deles, o terror começa e fica a dúvida de quem sobreviverá no fim.

O longa segue à risca alguns clichês básicos desse tipo de filme e a influência de clássicos como “O Chamado”, “Candyman” e “O Exorcista” são bem fortes. Em algumas cenas chegamos até a ver variações de momentos icônicos desses filmes. Daí nota-se que o maior problema de “Queen of Spades” é não ter uma identidade e não desenvolver seus protagonistas. São todos apáticos e com carisma zero. E ao envolver os pais de um dos jovens na trama, o filme desanda ainda mais. A edição é extremamente fraca, com cortes abruptos e às vezes feios mesmo.

O roteiro como já foi dito é uma colcha de retalhos e com diálogos extremamente fracos. Visualmente, “Queen of Spades” é até competente. O visual da malvada da vez é um cruzamento de Samara com Lord Voldermort. No entanto, a direção também é fraca e não cria tensão ou medo. Se não fosse o idioma original em russo, você nem perceberia de onde era, uma vez que ele se enquadra naqueles filmes descartáveis que inundam cinemas do mundo todo.

Escala de tocância de terror:

Direção: Svyatoslav Podgaevskiy
Roteiro: Svyatoslav Podgaevskiy
Elenco: Alina Babak , Valeriya Dmitrieva  , Igor Khripunov e outros
País de origem: Rússia
Ano: 2016

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s