DICA DA SEMANA: Closet Land (1991)

[Por Jarmeson de Lima]

Já que estamos em uma ‘nova era’ que exige resiliência e resistência, que tal ver ou rever um filme de 28 anos atrás? O filme em questão chama-se “Closet Land” e é uma produção independente, quase obscura, mas que foi estrelada por Alan Rickman e Madeleine Stowe.

Vi esse filme nos longínquos anos 90 por acaso. E ainda mais por acaso foi tê-lo visto numa prateleira da locadora de vídeo que havia perto de casa. Apesar de já ter assistido muita coisa naquela época, confesso que não estava preparado para a porrada que foi este filme. Mesmo hoje em dia, ele continua causando grande impacto.

Ambientado só em um cenário e em um formato quase que teatral, “Closet Land” nos apresenta uma escritora de livros infantis que foi raptada por um agente do governo. Sem muitas explicações adicionais, basta-nos saber que ela está em um local desconhecido e incomunicável sendo punida por um governo fascista que acha que seu livro contém mensagens subversivas.

O mais chocante e bizarro ao longo de uma hora e meia de filme é ver que estão utilizando de todo tipo de tortura psicológica na escritora para fazê-la confessar algo que ela não fez. “Closet Land“, a priori, tenta ser um livro de auto-ajuda para crianças, mas na visão do agente torturador seria como enxergar “ A Revolução dos Bichos” em “Peppa Pig“.

Além das cenas incômodas e das atuações excepcionais de Stowe e Rickman, outra tapa na cara é saber que o roteiro do filme se baseou na história real de Veronica de Negri, uma ativista chilena torturada durante meses na Ditadura de Pinochet. Por sorte, e graças a haver uma democracia virtual, é possível ver hoje esta obra completa e legendada (em inglês) no YouTube.

2 comentários sobre “DICA DA SEMANA: Closet Land (1991)

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.