GAME: Dark Pictures – Man of Medan

[Por Felipe Macedo]

Jogos de terror não são novidade e sempre estiveram presente desde a época do Atari. Atualmente com o mercado indie forte, tivemos um boom desse gênero com jogos como a maravilhosa franquia Outlast. A Supermassive Games não é uma estranha no estilo, tendo entregado o ótimo slasher “Until Dawn” (2015) exclusivamente para o Playstation 4 e voltando nesse ano com a proposta de uma antologia de oito jogos de horror, chamados de Dark Pictures e tendo Man of Medan como o primeiro game. A aposta é num jogo de terror cinematográfico, onde assistimos e tomamos decisões que influenciam a história.

A história segue um grupo de jovens adultos bonitos e ricos que decidem fazer mergulhos numa região afastada, proibida e perigosa. Nossos protagonistas encontram mais emoção do que esperam quando são sequestrados por piratas modernos e forçados a entrar num navio abandonado do exercito americano que se encontra à deriva desde a época da Segunda Guerra Mundial. Logo descobrem que os piratas são o menor dos problemas e um mal muito maior está a espreita.

A proposta cinematográfica é bem evidente logo de cara e o roteiro lembra bastante o filme Navio Fantasma (2001). Até tive a sensação de estar jogando o reboot do filme. Infelizmente como todo terror para jovens, a trama tem personagens que não são desenvolvidos e muitos não tem carisma algum. O exesso de jumpscare também é um problema chegando a dar momentos de irritação tirando boa parte do impacto. A ambientação é ótima, mas subaproveitada com uma trilha sonora bem tipica. Infelizmente não existe opção de dublagem em português mas as legendas são pequenas.

A jogabilidade é focada na exploração e isso é uma parte importante do gameplay. A caça de colecionáveis conta mais sobre a história do navio com objetos que abrem mais opções de diálogo, que por sua vez guiam a história através das decisões tomadas. Vez ou outra tem momentos de ação onde os famigerados quicktime events aparecem e dão uma agitada. Aqui tenho que falar que o game de 2015 é mais efetivo, associado com um roteiro mais coeso. Esses momentos de perseguição são verdadeiramente tensos, coisa que não acontece aqui.

Existem várias possibilidades de finais: todos podem sobreviver ou morrer, assim como um ou outro podem sair ilesos. As váriações tem uma quantidade satisfatória de desfecho. Dark Pictures: Man of Medan é um jogo visualmente lindo, com uma jogabilidade ok, mas peca numa história fraca e que fere bastante a proposta do game que é a de ser algo cinematográfico. Citando Until Dawn mais uma vez, esse game tinha pelo menos o dobro de duração. Diverte quem procura algo mais escapista, mas decepciona quem procura uma história mais densa e assustadora.

Escala de tocância de terror:

Dark Pictures: Man of Medan esta disponivel para ps4, X BoX One e PC

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.