DICA DA SEMANA: Pânico em Lovers Lane (1999)

[Por Felipe Macedo]

Slasher movies são e sempre vão ser minha grande paixão. Adoro suas tramas bobas e as motivações estapafúrdias que levam a suas realizações. Contextualizando, “Pânico em Lovers Lane” faz parte do slasher boom que aconteceu na segunda metade dos anos 90 devido ao sucesso de Pânico. Foi quando todo rostinho jovem e bonito vindo de séries de tv tentava a sorte no cinema fugindo de serial killers que odiavam a libido de seus personagens. Continuar lendo

DICA DA SEMANA: Um Longo Fim de Semana (1978)

[Por Jota Bosco]

Minha dica da semana é um filme sobre um casal em crise que decide passar o final de semana em uma afastada praia. Em seu retiro, saem causando “incidentes” ecológicos como atropelar um inocente canguru, iniciar um incêndio e sair espalhando lixo por onde passam. Conclusão? Se a Mãe Natureza é vingativa, na Austrália, então, nem se fala! Continuar lendo

DICA DA SEMANA: I Drink Your Blood (1970)

[Por Jarmeson de Lima]

Hippies satanistas saem andando pelas brenhas dos Estados Unidos se divertindo ao seu modo. Chegam em uma cidade semi-abandonada e de forma inconsequente maltratam um idoso do local. Como vingança, o neto pega sangue de um cão com Raiva e joga na comida dos hippies. Em pouco tempo, eles ficam transtornados e violentos querendo matar uns aos outros. É mole ou quer mais? Continuar lendo

DICA DA SEMANA: The Mindscape of Alan Moore (2005)

[Por Geraldo de Fraga]

Falar de Alan Moore pra mim é fácil. O cara escreveu A Voz do Fogo, um dos meus livros de cabeceira, o homem repaginou as histórias do Monstro do Pântano, transformando o personagem em um dos maiores ícones dos quadrinhos de terror e o cidadão também criou ninguém menos que John Constantine. Esse inglês ainda juntou vários clássicos do horror e inúmeras referências do gênero para montar A Liga Extraordinária. Continuar lendo

DICA DA SEMANA: Vôo Noturno (1997)

[Por Felipe Macedo]

Filmes de vampiro sempre tiveram um espaço especial no meu coração. Sempre tentei assistir o máximo de conteúdo sobre o tema, mesmo tendo predileção por lobisomens e assassinos mascarados. Lembro que acampei na locadora em meado dos anos 90 doido para poder alugar Voô Noturno (The Night Flier), pois a capa prometia uma diversão sangrenta. Sendo que depois de conseguir locar, veio a decepção. Achei o filme bem fraco. Mas pesquisando atualmente, vejo que o mesmo tem uma legião de fãs. Foi assim que decidi dar a ele uma nova chance. Continuar lendo

DICA DA SEMANA: Crime na Mansão Sombria (1940)

[Por Osvaldo Neto]

O ator Tod Slaughter (1885-1956) ganhou fama através de suas perfomances no teatro. Seu sucesso veio em grande parte pelas suas interpretações de maníacos e vilões em melodramas vitorianos. Mas foi sua atuação como Sweeney Todd – o famoso barbeiro assassino – que se tornaria um de seus maiores sucessos, gerando um filme lançado em 1936 intitulado O DIABÓLICO BARBEIRO DE LONDRES no qual o personagem foi interpretado novamente por Slaughter no cinema. Exatamente o que aconteceu a Bela Lugosi quando encarnou Drácula no teatro e também na tela grande. Continuar lendo