DICA DA SEMANA: 3 AM (2012)

[Por Osvaldo Neto]

3 AM (2012) é outro filme que reforça a tese de que você pode fuleirar com tudo que é tipo de fantasma, menos com fantasma de filme de horror asiático. Por que? Porque tu sempre vai se lascar, meu querido(a)… Sempre! Não tem “alisabel”. Essa boa antologia produzida na Tailândia foi exibida em 3D nos cinemas orientais e parte do pressuposto que os eventos sobrenaturais ganham muito poder a partir das 3 da madrugada. Continuar lendo

RESENHA: O Maníaco (2012)

ImagePor Júlio César Carvalho

Em 1980, o cinema nos concebeu Frank Zito, um psicopata que se tornaria um ícone do cinema de horror graças a atuação memorável de Joe Spinell. 32 anos se passaram e em 2012, o remake chegou com um visual rebuscado que além de contar com um bom orçamento e tecnologia, é ousado e criativo. A história é simples: Acompanhamos Frank, um cara solitário que é obcecado por mulheres bonitas, escalpos e manequins. Continuar lendo

RESENHA: Berberian Sound Studio (2012)

Berberian_Sound_Studio_Hauptplakat

Por Jarmeson de Lima

Esta é uma bela homenagem aos filmes de estilo “giallo” e ao cinema de terror em si. Com referências a Mario Bava, Dario Argento e a obras como “A Conversação” e “Um Grito na Noite“, somos convidados desde o começo a imergir diretamente em um filme dentro de um filme. Até porque os créditos iniciais que você verá não são bem aquilo que você acha que é.

Pois bem… logo nos primeiros frames vemos a chegada de Gilderoy, um sofisticado engenheiro de som britânico que viaja até a Itália para trabalhar em uma produção chamada de “O Vórtice Equestre“. E por mais que isso pareça irrelevante, é justamente na hora em que ele chega ao estúdio que tem início a “história”. Continuar lendo