RESENHA: Histórias Assustadoras Para Contar no Escuro (2019)

[Por Jarmeson de Lima]

Emulando aquelas pequenas aventuras mescladas com horror e suspense que tanto fizeram sucesso nos anos 80, chega aos cinemas “Histórias Assustadoras Para Contar no Escuro“. A produção é assinada por ninguém menos que Guillermo Del Toro e a direção do norueguês André Øvredal, que já nos trouxe ótimos filmes como “A Autópsia” e “O Caçador de Trolls“. Continuar lendo

RESENHA: O Bar Luva Dourada (2019)

[Por Frederico de Oliveira Toscano]*

O Bar Luva Dourada (Der goldene Handschuh, 2019) não é um filme de terror convencional, se é que se pode mesmo chamar de terror. Tampouco é um suspense padrão, embora trate de uma série de assassinatos cometidos na Alemanha durante a década de 1970. Não há uma investigação tensa que leva à prisão do criminoso, nem um jogo de gato e rato entre duas mentes brilhantes, ainda que em lados opostos da lei. Também não existem correrias, tiroteios, perseguições ou qualquer coisa do tipo. Talvez mais importante, as mortes não são fetichizadas, tratadas como o resultado da genialidade perversa de um louco. Há muito pouco de Hollywood e bastante de vida real aqui, e este é o trunfo maior da história. Continuar lendo

EVENTO: Lançamento do livro “A Aceleração do Medo”

Um dos temas mais polêmicos do cinema de terror contemporâneo responde pelos remakes, também conhecidos como refilmagens. Prova disso é perceber como as principais produções das décadas de 1970 e 1980 ganharam novas versões nos últimos anos. Piores do que os originais, inovadores, exagerados, atualizados e desnecessários são apenas algumas das formas como refilmagens de terror costumam ser recebidas tanto por fãs como também pela crítica. Para os produtores, refilmagens vão além destes pontos e significam um extenso e lucrativo mercado a ser explorado.
Continuar lendo

EVENTO: Mostra Toca o Terror no FIG 2019

MOSTRA DE CINEMA APRESENTA CURTAS NACIONAIS DE TERROR NO FIG

Em mais um frio e tenebroso inverno, a equipe do Toca o Terror vai até o Festival de Inverno de Garanhuns trazendo na bagagem uma seleção especial de curtas nacionais de horror. Selecionada entre as propostas de Audiovisual do FIG 2019, a sessão do Toca o Terror acontecerá nesta sexta (19) às 21h15 no Cine Eldorado com entrada gratuita. Continuar lendo

RÁDIO – PROGRAMA 31: Diretores Estreantes

Antes de sonhar em fazer a trilogia “O Poderoso Chefão“, Francis Ford Coppola produzia filmes de terror de baixo orçamento com Roger Corman. E muitos anos antes do primeiro “Homem-Aranha“, Sam Raimi dirigia um filme cult de bruxaria na floresta nos anos 80. Neste programa, a equipe do Toca o Terror analisa a obra de diretores agora famosos que começaram suas carreiras no cinema de horror.

Continuar lendo

EVENTO: Mostra Stephen King no CCBB (Rio, SP e Brasília)

O Centro Cultural Banco do Brasil realiza de julho a novembro de 2019 a mostra STEPHEN KING: O MEDO É SEU MELHOR COMPANHEIRO. Serão exibidas 41 produções, entre filmes, telefilmes e minisséries, baseadas nas obras do autor, além de cinco filmes que foram referência para seu trabalho. O projeto é patrocinado pelo Banco do Brasil, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura, e conta com curadoria é de Breno Lira Gomes e Rita Ribeiro. Continuar lendo

RESENHA: Annabelle 3 – De Volta Para Casa (2019)


[Por Felipe Macedo]

A boneca mais amada, temida e encapetada do cinema recente está de volta para um terceiro filme dentro do “conjuringverse” prometendo arrepios e diversão. Mas depois de seis anos desde sua primeira aparição, será que Annabelle ainda é relevante? Para muitos, o certo seria deixá-la guardada para sempre na casa dos Warren depois dos filmes solo que vieram. Mas bem, isso é um pouco o que “Annabelle 3: De Volta Para Casa” quer mostrar. Continuar lendo

RESENHA: Obsessão (2019)

[Por Geraldo de Fraga]

A fixação por alguém, seja por motivos amorosos ou não, já rendeu inúmeros filmes em Hollywood. Só para citar alguns cultuados, vamos lembrar de Atração Fatal, Mulher Solteira Procura, Encaixotando Helena e Cabo do Medo. Por isso, a maior curiosidade que cerca Obsessão (título pra lá de genérico de Greta) é saber o que nosso querido Neil Jordan traria de novo ao gênero. A resposta demora alguns minutos, mas vem: não muito. Continuar lendo

RESENHA: Suspiria – A Dança do Medo (2018)

[Por Júlio César Carvalho]

Desde que saiu a notícia de que SUSPIRIA, clássico dos anos 70, de ninguém menos que Dario Argento, ganharia uma nova versão, confesso que fiquei receoso. Não que, para mim, este seja um dos melhores do diretor, pois apesar do conceito visual e trilha sonora marcantes, é inegável todo o desmantelo narrativo, atuações toscas… Enfim… melhor parar com o original e focar no “remake”. Continuar lendo