RESENHA: O Silêncio (2019)

[Por Felipe Macedo]

A Netflix ataca mais uma vez. Agora é com uma nova produção de terror que surfa na onda de sucesso de “Um Lugar Silencioso” lançado há um ano atrás. “O Silêncio” (The Silence) também tem criaturas que caçam tudo que se mexe através do som emitido por elas. Ou seja, tá todo mundo caladinho por aqui também. Mas será que o serviço de streaming entregou uma obra tão boa quanto a do filme famoso? Isso é o que iremos descobrir a seguir. Continuar lendo

RESENHA: A Maldição da Chorona (2019)

[Por Jarmeson de Lima]

Vou direto ao ponto… faz tempo que não via um filme tão enfadonho e medíocre como “A Maldição da Chorona“. É o sinal de que a fórmula de copiar e colar os clichês da Blumhouse não estão mais surtindo os efeitos que deveriam. Até o visual da Chorona se parece com o da Freira para tentar pegar uma lasquinha do sucesso da antecessora. Por isso é que me espantaria muito se isso vier a fazer sucesso. Continuar lendo

DICA DA SEMANA: A Árvore da Maldição (1990)

[Por Júlio Carvalho]

Essa semana tava rolando um papo sobre pais e filhos pequenos e o dilema/terror de por alguém pra cuidar das crianças enquanto os pais trabalham. Daí um colega de trabalho veio me perguntar se eu já tinha visto um filme em que tinha uma babá e uma árvore monstro devoradora de bebês. Como nenhum filme me veio à cabeça, então com uma breve pesquisa achamos A ÁRVORE DA MALDIÇÃO (The Guardian, 1990), de ninguém menos que William Friedkin, completo no youtube. Continuar lendo

DICA DA SEMANA: Pânico em Lovers Lane (1999)

[Por Felipe Macedo]

Slasher movies são e sempre vão ser minha grande paixão. Adoro suas tramas bobas e as motivações estapafúrdias que levam a suas realizações. Contextualizando, “Pânico em Lovers Lane” faz parte do slasher boom que aconteceu na segunda metade dos anos 90 devido ao sucesso de Pânico. Foi quando todo rostinho jovem e bonito vindo de séries de tv tentava a sorte no cinema fugindo de serial killers que odiavam a libido de seus personagens. Continuar lendo

RESENHA: Maligno (2019)

[Por Felipe Macedo]

Filmes com crianças malvadas existem a rodo. E há um bom tempo quando é anunciado um novo com essa temática, é de se esperar uma certa desconfiança. Ainda mais quando é algo mainstream. “Maligno”, já adianto, não foge à regra e é uma colcha de retalhos de outras produções famosas, conforme vou dizer mais na frente. Não é essa bomba como muitos podem imaginar. Para quem não se importa com o cinemão pipoca, esse longa vai lhe divertir ao ver as maldades de Miles e as desventuras de seus pais. Continuar lendo

DICA DA SEMANA: I Drink Your Blood (1970)

[Por Jarmeson de Lima]

Hippies satanistas saem andando pelas brenhas dos Estados Unidos se divertindo ao seu modo. Chegam em uma cidade semi-abandonada e de forma inconsequente maltratam um idoso do local. Como vingança, o neto pega sangue de um cão com Raiva e joga na comida dos hippies. Em pouco tempo, eles ficam transtornados e violentos querendo matar uns aos outros. É mole ou quer mais? Continuar lendo

RESENHA: Escape Room (2019)

[Por Jarmeson de Lima]

“Escape Room” se inspira em uma nova febre de games da vida real que está rolando por aí. Para quem não está familiarizado com isto, essas espécies de gincanas são do tipo em que pessoas isoladas em um local tem que achar pistas em um determinado tempo para escapar e vencer o jogo. No Brasil, o mais próximo que chegamos disso é assistindo a algumas “Provas do Líder” do BBB.

Continuar lendo

DICA DA SEMANA: The Mindscape of Alan Moore (2005)

[Por Geraldo de Fraga]

Falar de Alan Moore pra mim é fácil. O cara escreveu A Voz do Fogo, um dos meus livros de cabeceira, o homem repaginou as histórias do Monstro do Pântano, transformando o personagem em um dos maiores ícones dos quadrinhos de terror e o cidadão também criou ninguém menos que John Constantine. Esse inglês ainda juntou vários clássicos do horror e inúmeras referências do gênero para montar A Liga Extraordinária. Continuar lendo

TV: Into the Dark (Canal Space)

Nesta sexta-feira, 25 de janeiro, às 22h30, o canal Space exibe, com exclusividade na América Latina, o primeiro dos 12 longas de terror da série Into the Dark, produzidos pela Blumhouse. Inspirada nas datas comemorativas de cada mês do ano, como Halloween, Natal, Ano Novo, Dia dos Namorados, entre outras, a série de filmes explora o lado mais obscuro da humanidade e a relação do homem consigo mesmo. Continuar lendo